17 de setembro de 2007

Tic Tac

Avanca 1
Sp. Espinho 1

Jogo: No Estádio do Complexo de Avanca
Árbitro: Carlos Duarte (A. F. Porto)
Avanca: Bruno Sousa; Cajó (M. Ângelo 67’), Ricardo Miguel, Pedro Pesquina e Mané; Mark, João Paulo e Nelson; Ladeira (Luís 54’), Carlos Pesquina e Cerqueira (Bruninho 54’).
Treinador: Nazih Handen
Disciplina: cartão amarelo a M. Vale, C. Pesquina, P. Pesquina, Mané, Miguel Ângelo, Bruno Sousa e R. Miguel.
Sp. Espinho: Marcelo Galvão; Bruno Lucas, Hélder Vasco, Pedro Dimas e Marco Abreu: Valença, Nuno Coelho, Joares (Fábio “Espinho” 63’) e Flávio Casal (Pedro Mendes 45’); Moreira e Milton (Nuno Silva 78’).
Treinador: Amândio Barreiras
Disciplina: cartão amarelo a Valença, Marcelo Galvão, Marco Abreu, Hélder Vasco e Nuno Silva; cartão vermelho a Moreira e Amorim (Suplente não utilizado).
Marcadores: 0-1 Flávio Casal (45+2 g. p.) e 1-1 Pedro Pesquina (90+6’)


A saga dos empates continua. Tigres voltaram a ceder um empate desta vez já com o ponteiro dos minutos bem adiantado.
Amândio Barreiras foi obrigado a colocar Milton no lugar de Leandro Rodrigues por este ultimo estar lesionado e foi o cabo das tormentas. Sem uma referência no ataque, os espinhenses sentiram muitas dificuldades em impor a sua marcha e só a muito custo é que chegou ao golo da vantagem, na marcação de uma grande penalidade por intermédio de Flávio Casal.
No tempo complementar, o juiz da partida resolveu assumir algum protagonismo e o verniz acabou por estalar. Sem se perceber muito bem porque, Moreira foi expulso e o Sp. Espinho teve muitas dificuldades em travar o Avança. Contudo, não se atemorizou e ainda criou algumas situações de perigo. Mas como quem não marca arrisca-se a sofrer Pedro Pesquina, de costas para a baliza, empatou o desafio já em períodos de compensação (90+6’).
O conjunto da Costa Verde não encontra meios para se afirmar e aos poucos e poucos está a deixar fugir alguns pontos que podem vir a ser preciosos mais para adiante.


Aquele abraço,
Makelele

2 comentários:

FMBP disse...

Li um jornal que falava do anti-jogo do SCE...n fui ver o jogo...mas como defines esse anti jogo?

Makelele disse...

é perfeitamente normal que o Sp. Espinho seja acusado de anti jogo. Antes de mais, é preciso relembrar que o Avanca andava à pouco tempo nos distritais e defrontar os espinhenses, para eles, é o mesmo que a ovarense defrontar um benfica. São campeonatos à parte.
Quanto ao desafio propriamente dito, os tigres estavam limitados na frente e foram obrigados a embrulhar e a reter a bola no meio campo. Claro que muito dominio, trás muitas faltas sofridas. É inegavel que o Espinho se tenha aproveitado disso, mas tambem nao é menos verdade que o arbitro, apesar de ter estado mal, esteve para os dois lados.
Opiniões são opiniões e quando se está a perder a gula de querer fazer melhor tapa os sentimentos intelectuais e deixa vir aos de cima os morais. Com clubismos ou não, a verdade é que a imprensa é sempre influenciada. No fundo o jornalista é homem, tem direitos e deveres e a sua opinião nunca é igual à de toda a gente. Mas isso já são contas de outro rosário.

Google-search box

Google